O Ituano jogou sob um calor forte de 32º contra o rival Paulista e cumpriu com os objetivos propostos. Venceu o clássico por 2×1, de virada e pela terceira vez consecutiva. Alcançou a melhor campanha da competição com 20 pontos e se manteve invicto com 6 vitórias e 2 empates. O concorrente Nacional perdeu para o Audax Osasco. Nem por isso, o técnico Tarcísio Pugliese assume o favoritismo na competição. “Todas as equipes que estão na 2ª fase estão credenciadas ao título. Temos boas equipes também. Vai ser muito competitivo e difícil. O nível vai ser melhor. São times mais fortes e que vão brigar pelo título” analisa. Das 12 equipes classificadas, 5 disputaram a Série A1 neste ano. No grupo do Ituano tem São Bernardo da A1, Mirassol, 5º na A2 e Independente que foi 6º na A2. “São adversários fortes. No Mirassol temos o técnico Evaristo que está há muito tempo lá e montou um bom elenco. Independente é um clube que faz um trabalho a médio prazo. E o São Bernardo é um time muito bem estruturado. Que sempre dá boas condições de trabalho para todos. Nossa chave é forte” alerta Tarcísio. A Federação paulista deve confirmar a tabela na terça. O Ituano por causa de melhor campanha deve estrear fora de casa e fechar a 2ª fase no Novelli Júnior.

Com o empate o Ituano voltou melhor no segundo tempo. O lateral Pacheco fez dois cruzamentos com perigo. Com o aumento da temperatura, Tarcísio Pugliese fez duas alterações. Entraram Marcão e Gilberto que foram fundamentais na virada do placar. “Sempre temos que estar preparados para as oportunidades. O Tarcísio vem contando com todo o elenco e isso é muito importante para o grupo. Com este calor foi importante. Fomos mais eficientes e conseguimos a vitória” afirmou Gilberto que fez sua 7ª partida no Ituano. Gilberto faz cruzamento preciso e quase Zambi marca. Do outro lado, Pacheco faz cruzamento e Marcão tentou a finalização. A defesa tirou e após o bate e rebate, a bola sai pela linha de fundo. Aos 34, Gilberto recebe lateral de Pacheco. Observa Marcão na área e faz um cruzamento preciso. Marcão ainda escorrega antes de chegar à frente do zagueiro para cabecear para o gol. “Nos treinamentos eu já vem fazendo este tipo de jogada. O Marcão é muito alto e sempre busco ele nos cruzamentos. Aí foi só alegria” contou Gilberto. A vitória estava confirmada. O Paulista não conseguiu reagir. “O time me agradou. Até pelo horário e pelo calor, nosso time correu bastante. Teve muita disposição, se entregou muito. Estava muito quente, mas o time conseguiu a vitória e o nosso objetivo que é o primeiro lugar desta fase” finalizou Tarcísio que fez seu 40º jogo no comando do Ituano e conquistou sua 18ª vitória. Agora vem a 2ª fase!

ITUANO – Fábio: Pacheco, Leo, Renato e João Paulo; Gercimar, Jair e Bassani (Anderson Zangão aos 85); Claudinho (Marcão aos 66), Zambi e Guilherme (Gilberto aos 65). DT: Tarcísio Pugliese.

Gols: 0x1 Matheus Silvestre aos 12, 1×1 Renato (cabeça) aos 45 do 1º; 2×1 Marcão (cabeça) aos 34 do 2º.