O Ituano retornou a Blumenau após um ano e voltou para Itu com mais uma vitória. Desta vez venceu por 1×0, gol marcado pelo volante Jô após cobrança de falta de Bassani que fez sua segunda assistência na Série D. Por pouco o Ituano não repete o placar do ano passado quando venceu por dois gols. “Foi uma vitória importante porque somamos 6 pontos. Isso foi falado. Mérito dos jogadores que entenderam e lutaram e nós conseguimos o resultado que queríamos” comentou Roque Júnior após a segunda vitória na competição. A situação do grupo é muito parecida com a do ano passado quando o Ituano tinha 6 pontos após três rodadas. Como no ano passado agora tem duas rodadas no Novelli Júnior para garantir a classificação para a próxima fase. No próximo sábado recebe o mesmo Metropolitano a partir das 17 horas. “Quero agradecer a todos porque foi um jogo muito aguerrido e de muita luta. Felizmente fomos coroados com um resultado positivo” disse Jô sobre o empenho de todos. Este foi o terceiro jogo de Jô, um dos onze reforços nesta Série D.

Sem a chuva como era previsto durante a semana, mas com o campo pesado e o gramado irregular, os dois times superaram as dificuldades de piso e fizeram um jogo aberto. Mas com poucas chances claras de gol. O Metropolitano finalizou primeiro em jogada pela direita com Neto para difícil defesa de Oliveira. No primeiro tempo, o ituano teve três finalizações. Uma com o Ronaldo que bateu colocado, visando o ângulo. A outra com Jô num chute de fora da área. E outra com Pedrinho pela esquerda. Ele driblou o marcador e bateu forte. Por cima do gol. O Ituano tinha outra boa arma ofensiva. A bola parada com Bassani. “Nosso elenco tem bastante gente acompanhando nossos adversários e eles falam. Tem time que tem dificuldade na primeira bola. Tem outros que tem outro tipo de dificuldade. Assim nós vamos trabalhando durante a semana, forçando a bola para que o gol saia como aconteceu hoje” explicou Bassani que fez sua segunda assistência nesta Série D.

O gol saiu aos 3 minutos da segunda etapa. Bassani cobrou falta na direita e Jô completou para o gol. “Nos treinamentos já existe essa bola. O Ronaldo também vai na bola. Felizmente ela pegou no meu pé e conseguimos os três pontos” explicou um humilde Jô. O próprio Bassani foi responsável de outros lances de bola parada em busca do segundo gol. Para melhorar o poder ofensivo, Roque Júnior ainda colocou Elivelton e Everton. Mas o segundo gol não saiu. “Nós podemos melhorar nosso jogo. Não conseguimos segurar a bola no campo de ataque. Isso foi um ponto negativo. Se tivéssemos um pouco mais de tranquilidade no campo ofensivo, seria melhor. Erramos alguns passes e também não conseguimos segurar a posse de bola e por isso não chegamos ao segundo gol. Temos que jogar um pouco mais no campo do adversário” analisou Roque Júnior. No fim, comemoração de todos pela vitória e dos autores do gol. “De vez em quando sou feliz em marcar gol. O mais importante é minha equipe vencer e conquistar os três pontos. Nosso objetivo é chegar a Série C” lembrou Jô. “Estou muito feliz. Quero fazer um grande campeonato e ajudar o Ituano a subir para a Série C” finalizou Bassani usando a mantra do Ituano: “Subir para a Série C”.

Fonte: Ituano FC