O segundo empate consecutivo da Inter de Limeira com a Ferroviária, desta vez em 0 a 0, deixa o time de João Vallim em terceiro lugar no Grupo 5 da Copa Paulista. Apesar da perda de posição para o Taboão da Serra, o treinador se mantém tranquilo e confiante da classificação – importante lembrar que, além do líder e vice-líder das três chaves, os dois melhores terceiros colocados também avançam para as quartas de finais.

– Foi uma continuação do jogo que teve em Araraquara, os dois times estudaram bem os adversários. Jogo difícil para as duas equipes, não criaram, não acharam jeito de penetrar nas defesas. Vimos duas equipes boas e o resultado só poderia ser o empate mesmo. Foi bom jogo para quem foi ao estádio ver e a Inter continua viva, temos dois jogos e ainda tem muito chão para conseguir a classificação.

Vallim foca agora na partida desta quarta-feira, às 15h, em Diadema, contra o Água Santa. O duelo promete ser decisivo, já que o rival é o último colocado com apenas um ponto, e a Inter, com cinco, mesmo longe de casa precisa vencer para continuar com chances.

– Dependendo dos resultados de quarta-feira, nosso com o Água Santa e da Ferroviária, a gente pode voltar à zona de classificação – disse o treinador.

Para que isso aconteça, é fundamental que o Leão da Paulista ganhe seu jogo, já que Taboão, com sete, e Ferroviária, com oito, se enfrentam. Quanto ao time que começa jogando, Vallim ainda irá analisar o adversário para a partir de segunda-feira montar a escalação. Apenas o atacante Wesley está fora, pois recebeu o terceiro cartão amarelo.

Fonte: GloboEsporte.com